3 de mai de 2017

O paraíso perdido (John Milton) – IDY 2017


Título: O paraíso perdido
Autor: John Milton
Mês: Maio
Tema: Gênero que menos gosta
Editora Martin Claret, 485p.

Sinopse: Um dos pilares da cultura de língua inglesa, John Milton é um clássico em que a erudição épica renascentista se associa à sonoridade retórica e religiosa do barroco. Sua obra-prima é a epopéia Paraíso Perdido (1667), em que recria o conflito entre Lúcifer e Deus com uma metafísica monista e uma espécie de materialismo cristão. Composta de 12 livros e escrita em pentâmetros ingleses, a obra apresenta a inovação dos versos bancos (sem rima), com extraordinário senso de ritmo e sonoridade.

Todo mundo sabe que eu sou uma negação na leitura de poesias. Simplesmente me cansa e me enjoa rápido então é muito difícil eu ler livros do tipo. Tive que abrir uma exceção dessa vez, e não me arrependi. Na verdade, eu queria ter lido esse livro faz mais tempo, desde que comecei a estudar Tolkien e suas influências, e não me arrependi. Tem alguns livros na literatura atual que tratam dessa temática, dos anjos decaídos, e eu nunca consegui ler, mas Milton escreve de um jeito que é impossível não ficar presa na leitura. Enquanto lê, parece que você está vendo cada uma das cenas (a serpente tentando Adão e Eva, eles sucumbindo ao proibido, Gabriel tentando impedir Satã de seduzir Eva…), devido a força das palavras. Eu juro que fiquei arrepiada em vários momentos. Completamente indicado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário